fbpx

Halving do Bitcoin – tendência de alta será mantida?

Cotação do Bitcoin segue em tendência de alta faltando apenas 15 dias para o halving da recompensa dos mineradores. No momento da publicação deste post (domingo 26/4 às 21:35h) o Bitcoin é negociado a US$ 7750,00, uma alta de 11% esta semana e de mais de quase 100% desde o crash de 13 de março no início da pandemia.

No Brasil, o Bitcoin chegou a R$ 42.500,00, uma alta de 15% somente esta semana com a alta do dólar contribuindo para a subida rápida das Criptomoedas.

Outras criptomoedas como Ethereum também seguem em forte tendência de alta. O ETH em dólar está testando novamente a resistência dos US$ 200.

Alta de 93% do BTCUSD trazendo a cotação para o mesmo nível de antes do crash

Segundo traders do mercado, parte da alta do Bitcoin é relacionada aos pacotes de ajuda econômica dos bancos centrais do mundo inteiro (excesso de liquidez das principais moedas fiat como dólar e euros). A outra razão importante da alta é relacionada ao HALVING (ou HALVENING) do Bitcoin que acontecerá dia 12 de maio (pode haver uma variação).

O que é o Halving do Bitcoin?

O halving do Bitcoin acontece de 4 em 4 anos e está programado no código-aberto do Bitcoin. No halving, o número de Bitcoins que um minerador recebe por ter minerado um bloco no Blockchain do Bitcoin, cai pela metade.

O minerador recebe hoje em dia 12,5 bitcoins por novo bloco minerado. A cada 10 minutos em média um novo bloco é minerado e só ai já da pra notar o quão importante é essa receita para o ecossistema do Bitcoin no mundo. No próximo halving a taxa de recompensa por bloco irá para 6,25 BTC.

Curva de emissão de novos Bitcoins ao longo do tempo e taxa de inflação

Note que a curva de emissão de novos Bitcoins acima é mais acentuada no começo e vai suavizando principalmente a partir de 2021 até ficar praticamente flat a partir de 2040. A cada 4 anos observe que a linha azul tem uma leve “quebra” que justamente é o efeito do halving.

Quando é o Halving do Bitcoin?

O halving do Bitcoin acontece a cada 210 mil blocos que em média ocorre de quatro em quatro anos e o próximo deve acontecer no dia 12 de maio de 2020. A data e horário exatos podem mudar já que o momento certo é dado pela altura do bloco, ou seja, um número de bloco específico. e dependendo da velocidade de processamento dos blocos pode haver uma variação do halving.

O site abaixo acompanha o momento exato e tem um contagem regressiva para você ficar por dentro.

https://www.bitcoinblockhalf.com

Quantos Bitcoins o minerador vai passar a ganhar após o halving?

A partir do próximo halving que acontecerá no dia 12 de maio de 2020, a taxa de recompensa do minerador (block reward) cairá de 12,5 BTC por bloco para 6,25 BTC por bloco.

Essa recompensa tende a chegar a zero no ano de 2140. Muita gente pergunta o que o minerador vai ganhar quando essa taxa ficar muito pequena a partir dos próximos 12 ou 16 anos. A resposta reside no aumento da taxa de transação que hoje é muito pequena mas tende a aumentar a medida que o Bitcoin fica mais escasso e se valoriza mais.

A alta do Bitcoin continuará até o Halving?

Diversos analistas olham para o efeito dos últimos halvings no preço do Bitcoin e historicamente sim existe uma relação. No entanto, performance passada não garante performance futura. Todos os mercados inclusive ações, FX e principalmente commodities estão com volatilidade altíssima dado o cenário global de pandemia e o grande ponto de interrogação sobre a recuperação econômica global. O futuro de petróleo na última semana chegou a operar no negativo, algo nunca antes visto.

Acreditamos que o halving por si só não será responsável por mais pressão de alta no Bitcoin mas aliado a uma continua melhora dos mercados globais podemos ter o halving como um catalizador levando o Bitcoin à novas altas.

Vamos acompanhar e como sempre, operar com prudência em momentos de alta volatilidade e risco.