fbpx
libra

Libra, a criptomoeda do Facebook

Os rumores do envolvimento do Facebook com o lançamento de uma criptomoeda foram confirmados hoje, a moeda é chamada de Libra e tem lançamento previsto para 2020.

A Libra faz parte de um projeto da Libra Association, uma entidade suíça de código aberto que pretende estabelecer uma moeda global para melhorar e transformar a economia mundial.

Grandes empresas investiram no projeto, entre elas a Uber, eBay, PayPal, Spotify, Visa e Mastercard.

O Facebook está afiliado à Libra assim como as outras empresas e cada um dos parceiros terá poder de voto igual, embora segundo o white paper, o Facebook deva manter um papel de liderança durante 2019.

Libra vai ser gerenciada pela Calibra, uma nova subsidiária do Facebook que irá lançar uma carteira virtual.

A Calibra poderá ser acessada de um app independente e também dentro do Messenger e do WhatsApp, com o objetivo de permitir que os usuários enviem a moeda com a mesma facilidade de uma mensagem.

calibra

Segundo a empresa a carteira está no processo de desenvolvimento e deve ser lançada junto com a moeda em 2020.

O Facebook com certeza vai impulsionar a Libra, porém não só de forma positiva, já que há um questionamento sobre como o Facebook lidando com cripto irá manter as informações privadas e seguras.

O vice presidente de produtos da Calibra, Kevin Weil, afirmou que as informações financeiras dos usuários da Calibra não seriam utilizadas com fins publicitários e estariam totalmente separadas dos dados do Facebook.

A Libra será baseada em reservas financeiras, assim não será tão volátil e instável. O serviço aos clientes será gratuito e acessível através de qualquer aplicativo que acrescente suporte monetário ao seu código.

David Marcus, chefe da divisão Calibra do Facebook, disse à CNBC:

“[A reserva] é projetada para ser estável e dar valores à Libra que a tornam mais parecida a uma moeda tradicional do que qualquer uma das moedas digitais de hoje. Foi assim que o papel-moeda foi criado”

De acordo com o white paper, as transações feitas com Libra serão registradas em um blockchain projetado para lidar com bilhões de contas possíveis. Os engenheiros do Facebook projetaram o blockchain, mas a tecnologia será de código aberto.

Ainda não se sabe qual será a equivalência da Libra para qualquer moeda, mas o Facebook diz estar trabalhando diretamente com reguladores, legisladores e outras autoridades para evitar problemas regulatórios.

Quer ficar por dentro de notícias relevantes, análises de preço, promoções e muito mais? Acesse nosso Canal do Telegram t.me/corretoraflowbtc e ganhe até 100 reais de BÔNUS

Leia também:

Quer ficar por dentro de mais conteúdo? Siga a FlowBTC nas redes sociais: